Additive.Milling

 A utilização de eléctrodos para além de dispendiosa, não é sustentável ambientalmente. No caso da produção de zonas com geometria complexa o problema é agravado pela necessidade de subdividir a peça em pequenas zonas, implicando diversos eléctrodos logo elevados custos de tempo, dinheiro e ambientais para além dos impactos negativos a nível da saúde humana e dos ecossistemas. A solução para este problema é a fabricação aditiva (additive manufacturing). As vantagens passam pela utilização eficiente das matérias-primas e consequente redução de resíduos, permitindo a diminuição de peso e a criação de peças funcionais numa única peça. A personalização, a rapidez de projecto e a não utilização de ferramentas físicas (Laser) torna esta tecnologia a Tecnologia de Futuro.

A fusão selectiva por laser (SLM - laser melting) tem vindo a assumir-se como a tecnologia de processamento de metais do século XXI. No entanto, esta técnica apresenta como principal ponto fraco o acabamento superficial. Assim surge o projecto Additive.Milling que pretende conciliar as duas tecnologias aditiva e subtractiva num processo step-by-step que permita produzir moldes de elevada complexidade com baixa rugosidade sem a necessidade de aquisição do equipamento híbrido.